POLÍTICA

Parlamentares mudam de partidos de olho nas eleições




Dez dos 17 parlamentares mudaram de partido - Reprodução

No último dia 3 encerrou-se o prazo da “janela partidária” a qual possibilitou que os atuais vereadores pudessem mudar de partido, e na Câmara de Santana de Parnaíba ela foi grande, envolvendo dez dos 17 parlamentares. As mudanças mais significativas envolveram o PSDB e Solidariedade, mas com pesos diferentes. No quadro dos tucanos chegaram Ronaldo Santos, que deixou o PDT e Gino Mariano, que estava no PRTB, contudo, o vereador Amâncio migrou para o Partido Liberal.

Já o Solidariedade deixou de ter representantes na Câmara, devido as saídas de Alemão da Banca, agora no Avante, de Hugo Silva que foi para o Democratas e da Enfermeira Nelci que passou para o Partido Liberal. Sabrina Colela, eleita pelo PSC, foi para o Avante, e Ângelo da Silva trocou o Patriotas pelo PTB, partido do pré-candidato Danilo Ferraresi. Kadu da Farmácia, que assumiu a vaga após cassação do mandato de Rogério Rezende, se desfiliou do PC do B, partido agora nas mãos de Marcelo Romani, e seguiu para o Republicanos. Em seus partidos seguiram Adalto Pessoa (PSDB), Luciano Almeida (Rep), Magno Mori (PSB), Marcos Tonho (PSDB), Nilson Cadeirante (Podemos), Pastor Ebenezé (PSC) e Vicentão (MDB)   





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |  20/10/2020 - 16h





POLÍTICA  |  15/10/2020 - 16h


POLÍTICA  |  15/10/2020 - 11h







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb