POLÍTICA

Governo cortará cerca de R$ 14 bi no Orçamento por reajuste a servidor


Foto:(Reprodução)

O governo federal anunciou corte de aproximadamente 14 bilhões no Orçamento para garantir reajuste salarial de servidores e abrir espaço para gastos com despesas obrigatórias. Segundo técnicos da equipe econômica, as áreas mais afetadas são saúde, educação e defesa.

A princípio, a ideia era atender apenas o aumento de gastos obrigatórios. No entanto, o governo decidiu elevar o bloqueio para mais de R$ 8,2 bilhões e, dessa forma, incluir o valor necessário para conceder o reajuste de 5% aos servidores públicos. Para isso, será necessário um espaço de mais de R$ 6 bilhões no Orçamento.
 
Mas algumas áreas já mostraram na prática esses cortes. Na sexta-feira (27/5), o Ministério da Educação (MEC) anunciou o bloqueio de R$ 3,23 bilhões no seu orçamento. A medida afetará principalmente a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica.

As instituições federais de ensino alertam que precisarão cortar gastos com pesquisas científicas, projetos de extensão, manutenção e assistência estudantil para alunos de baixa renda.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |   01/07/2022 16h27





POLÍTICA  |   01/07/2022 09h57







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb