SAÚDE

Osasco vai contratar 500 novos profissionais de saúde para reforçar ações de combate a pandemia.




Prefeito e profissionais da saúde. Foto:(Marcelo Deck/PMO)

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, anunciou na última segunda-feira (16),mais uma medida visando o combate e prevenão ao coronavírus na cidade. Serão contratadas em regime emergencial 47 novas equipes de saúde, algo em torno de 500 novos profissionais, entre os quais médicos e enfermeiros.
 
“Tomamos essa decisão para reforçar nosso trabalho preventivo. Caso aconteça alguma contaminação na nossa cidade, a gente estará com toda a infraestrutura necessária para atender uma demanda que venha a crescer”, disse o chefe do Executivo

Ainda de acordo com Rogério Lins, nos próximos dias o Departamento de Compras da Secretaria de Finanças vai adquirir mais suprimentos, como álcool em gel e máscaras para dar suporte às atividades do funcionalismo e no atendimento ao público.

A Prefeitura também decidiu dispensar das atividades os funcionários acima de 70 anos e confirmou que, apesar da suspensão gradativa das aulas (de 16 a 20 e totalmente a partir de 23/03) nas escolas da rede pública, algumas unidades em regiões de maior vulnerabilidade social, continuarão a servir a merenda escolar.

Também foi recomendado que as escolas particulares também suspendam as aulas nos próximos dias.

 





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM