SAÚDE

Osasco adota protocolo de atendimento para casos suspeitos de coronavírus




Foto: (PMO)

A Prefeitura de Osasco, adotou protocolos para atender pacientes com suspeita de coronavírus (Covid-19). Dentre as ações planejadas está a realização de exames laboratoriais com resultados em menos de 24h.
O Hospital Municipal Antônio Giglio e as UPAs do Centro, da Vila Menck e do Jardim Conceição foram definidas pela Secretaria de Saúde para atender os casos suspeitos no município.

Além disso, a secretaria adotou medidas de proteção padrão para os profissionais de saúde. Elas seguem as recomendações do Ministério da Saúde, que contém, entre outros, informações sobre como realizar o atendimento das pessoas com suspeita de coronavírus e manejo clínico.

“A rede municipal de saúde de Osasco está preparada para receber casos suspeitos de coronavírus. Estamos nos organizando constantemente, da melhor maneira possível, para conseguirmos identificar, isolar e tratar adequadamente casos suspeitos. As equipes de saúde estão sendo orientadas constantemente quanto aos sintomas da doença, critérios epidemiológicos e sinais de gravidade”, explica o coordenador de Planejamento Estratégico da Saúde, dr. Leonardo De Gasperi.

De acordo com ele, após a identificação desses casos, eles serão classificados em graves e leves. Em seguida são adotados os fluxos internos para que o paciente seja adequadamente referenciado e tratado, a fim de conter a transmissão. “Toda a nossa estrutura está pautada no Boletim Epidemiológico 04, volume 51, de 22 de janeiro de 2020, que alinha as ações do Ministério de Saúde e das Secretarias de Estado e de Município”, complementa.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM