LAZER E ARTE

Prefeitura de São Paulo cancela carnaval de rua e mantém desfiles no Anhembi


Foto:(Rodrigo Rodrigues/g1)

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), anunciou nesta quinta-feira (6) o cancelamento do carnaval de rua de São Paulo em 2022 por causa do avanço da Covid-19 na cidade, após a chegada da variante ômicron.

Apesar do cancelamento, Nunes manteve os desfiles das escolas de samba de SP no Sambódromo do Anhembi, que devem acontecer nos dias 25, 26, 27 e 28 de fevereiro, se a Liga aceitar os protocolos sanitários que serão determinados.
 
"Por conta da situação epidemiológica, está cancelado o Carnaval de Rua de SP. Nós vamos sentar com a Liga das Escolas de Samba para combinar um protocolo para a realização dos desfiles no sambódromo. Caso eles aceitem os protocolos, os desfiles serão mantidos", disse o prefeito Ricardo Nunes.

Segundo o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, os protocolos ainda não foram definidos, mas serão norteados com as exigências da vigilância sanitária da cidade, em parceria com a Liga-SP.
 
"Nós vamos sentar com a Liga das Escolas de Samba para estabelecer esses protocolos de acordo com as exigências da Vigilância Sanitária. Nossa preocupação não é apenas com os desfiles, mas também com as aglomerações nos ensaios", afirmou Aparecido.

A decisão do prefeito foi tomada após uma reunião com representantes da Vigilância Sanitária e da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que apresentaram um estudo sobre o comportamento da Covid-19 na cidade nos últimos meses. A partir do estudo, Nunes decidiu cancelar os festejos de rua na cidade.

A solução é similar à anunciada pela Prefeitura do Rio de Janeiro, que manteve os desfiles na Marquês de Sapucaí, mas cancelou a saída dos blocos de rua na capital fluminense.
 
Segundo Nunes, a reunião com as escolas de samba deve ocorrer na próxima semana, já com a definição dos protocolos sanitários para a realização dos desfiles.

Por meio de nota, a Liga-SP afirmou que tem "completa disposição em acatar toda e qualquer recomendação das autoridades de saúde para um Carnaval SP 2022 seguro".
 
"Para que os Desfiles das Escolas de Samba de São Paulo aconteçam de forma grandiosa, como tem sido nos últimos anos, nosso principal recurso é humano. A prioridade da Liga-SP sempre foi e continuará sendo preservar vidas e garantir um ambiente seguro para os profissionais do Carnaval e para os sambistas, seja na pista de desfile ou nas arquibancadas do Anhembi", disse a entidade.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



LAZER E ARTE  |   20/05/2022 14h42





LAZER E ARTE  |   20/05/2022 14h31


LAZER E ARTE  |   20/05/2022 14h21







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb