POLÍTICA

Para melhorar popularidade, governo deve criar auxílio para compra de gás


Foto:(Pedro Ventura/Agência Brasília)

Na tentativa de melhorar a sua popularidade, o governo do presidente Jair Bolsonaro pretende lançar um auxílio para a compra de gás de cozinha. A informação foi publicada nesta quinta-feira (29) pela Folha de S. Paulo.
 
Com os reajustes recentes promovidos pela Petrobras em suas refinarias, o preço do gás está pesando no bolso do brasileiro. Na região Norte do país, que opera com alíquotas de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) mais elevadas e tem maior custo com o transporte, o botijão de 13 kg está na faixa de R$ 100. Porém, o valor extra não é exclusividade dos nortistas. Os preços aumentaram em todo o país.

O “vale-gás” é uma alternativa encontrada pelo governo diante da resistência da equipe econômica de intervir no preço do item. De acordo com o jornal, a medida tem ganhado força entre os aliados do presidente, incluindo o ministro da Economia, Paulo Guedes.
 
O projeto integra o pacote social que o Planalto quer lançar ainda este ano para reduzir a sua rejeição, mirando as eleições de 2022.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |   18/09/2021 17h58





POLÍTICA  |   18/09/2021 17h50


POLÍTICA  |   18/09/2021 16h37







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb