SAÚDE

Prefeitura de Parnaíba abre licitação para compra de freezers para armazenar vacinas da Pfizer

Com a iminência da chegada de mais doses da vacina da Pfizer, o governo de São Paulo passará a distribuir o imunizante a outras cidades do estado, algo que estava restrito à capital. Com isso alguns municípios já estão se adequando para armazenar o imunizante e estão adquirindo freezers. O primeiro a anunciar foi Osasco, e agora Santana de Parnaíba abriu licitação para a compra de 2 unidades, "para utilização da Vigilância Epidemiológica na recepção e armazenamento das vacinas da Pfizer enviadas pelo Estado para vacinação contra o novo coronavírus". O valor dos dois equipamentos seria de pouco mais de R$ 96 mil.
  
O imunizante da farmacêutica norte americana exige um armazenamento médio de -70°C, contudo em fevereiro deste ano a Food and Drug Administration (FDA) permitiu que a vacina pudesse ser transportada e armazenada em “temperaturas convencionais”, encontradas em freezers farmacêuticas, por um período máximo de duas semanas. Em abril a Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) atualizou às exigências de armazenamento, para ttemperaturas entre-25° e -15° por um período de até duas semanas, e quando retiradas do congelador os frascos podem ser armazenados por até cinco dias nas temperaturas entre 2° e 8°. Contudo, em maio, a farmacêutica entrou com pedido na Anvisa para flexibilizar o armazenamento por mais tempo nessas temperaturas, já que estudos apontaram estabilidade na substância.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM





google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb