POLÍTICA

Fachin nega pedido da PF para investigar Dias Tofolli

Nessa sexta-feira (14)  o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin indeferiu o pedido da Polícia Federal para investigar supostos repasses ilegais ao ministro Dias Tofolli, com base nas delações do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (MDB)
 
"[Determino] que a autoridade policial se abstenha de tomar qualquer providência ou promover qualquer diligência direta, ou indiretamente inserida, ou em conexão ao âmbito da colaboração premiada em tela até que se ultime o julgamento"
 
O inquérito investigaria suposto recebimento de R$ 4 milhões em troca de favorecimento em processos de 2 prefeitos do Rio de janeiro.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |   16/06/2021 16h40


POLÍTICA  |   16/06/2021 15h21


POLÍTICA  |   16/06/2021 11h25




google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb