POLÍTICA

Mais um. Fernando Azevedo pede demissão do Ministério da Defesa




Divulgação

O ministro da Defesa, Fernando Azevedo, pediu demissão do cargo nesta segunda-feira (29).

O pedido veio em meio à expectativa de que o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, oficialize ainda hoje também sua saída do Itamaraty.
 
Araújo vem sofrendo forte pressão do Congresso Nacional para deixar o governo, a saída de Azevedo não era esperada.

"Agradeço ao Presidente da República, a quem dediquei total lealdade ao longo desses mais de dois anos, a oportunidade de ter servido ao País, como Ministro de Estado da Defesa. Nesse período, preservei as Forças Armadas como instituições de Estado", diz a nota de demissão de Azevedo.
 
"O meu reconhecimento e gratidão aos Comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, e suas respectivas forças, que nunca mediram esforços para atender às necessidades e emergências da população brasileira. Saio na certeza da missão cumprida", afirma ainda o comunicado.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM






POLÍTICA  |   11/04/2021 10h57







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb