CENÁRIO URBANO

Carrefour irá atrasar em 2h a abertura das lojas neste sábado.




Divulgação

A rede de supermercados Carrefour emitiu nota, nesta sexta-feira (20), lamentando a morte de João Alberto Silveira Freitas na loja do bairro Passo D’Areia, em Porto Alegre (RS). A empresa classificou o caso como “lamentável e brutal”.

Em nota, o Carrefour informa que “definiu que todo o resultado de lojas Carrefour no Brasil nesta sexta-feira, 20 de novembro, será revertido para projetos de combate ao racismo no País. O valor será destinado de acordo com orientação de entidades reconhecidas na área. Essa quantia, obviamente, não reduz a perda irreparável de uma vida, mas é um esforço para ajudar a evitar que isso se repita”.
 
A empresa diz, ainda, que todas as lojas do grupo em todo o Brasil abrirão duas horas mais tarde neste sábado (21) para que, neste tempo, as normas de atuação exigidas pela empresa a seus funcionários e empresas terceirizadas de segurança sejam reforçadas. A loja do bairro Passo D’Areia será mantida fechada.

“Estamos buscando contato com a família do senhor João Alberto para dar o suporte necessário neste momento difícil”, diz o comunicado.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



CENÁRIO URBANO  |  02/12/2020 - 17h





CENÁRIO URBANO  |  02/12/2020 - 16h


CENÁRIO URBANO  |  02/12/2020 - 00h







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb