POLÍTICA

Justiça Eleitoral produz mais de 45 mil atos jurisdicionais desde início da pandemia.




Divulgação

A Justiça Eleitoral paulista não parou durante a pandemia do coronavírus e, com o trabalho remoto, produziu nos últimos seis meses mais de 45 mil pronunciamentos judiciais em processos, entre decisões e despachos em primeiro e segundo graus. O levantamento da Secretaria Judiciária e da Corregedoria Regional Eleitoral comporta dados entre 16 de março e 20 de setembro deste ano.

Na primeira instância, que reúne os 393 cartórios do Estado de São Paulo, foram 41.438 pronunciamentos de juízes eleitorais nesse período, sendo 13.138 sentenças, 4.543 decisões interlocutórias e 23.757 despachos.
 
Já na segunda instância, referente aos trabalhos dos sete magistrados do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), ocorreram 2.028 decisões de mérito, 391 decisões interlocutórias e 1.738 despachos, totalizando 4.157 atos jurisdicionais.

Os dados dos Tribunais brasileiros são enviados periodicamente Conselho Nacional de Justiça (CNJ), na divisão acima apresentada.

Entre março e o fim de setembro, foram realizadas, ainda, 57 sessões judiciais ordinárias e 32 sessões administrativas. Esses julgamentos têm sido realizados de forma virtual e transmitidos ao vivo pelo canal do TRE-SP no YouTube, permanecendo lá disponíveis na íntegra para consulta e somando mais de 25 mil visualizações até o momento.

Diante da pandemia, o Tribunal instituiu o trabalho remoto para os servidores em 16 de março, por meio da Portaria  70/2020, suspendendo o atendimento presencial ao público em geral. No final de julho, iniciou-se o plano de retorno gradual ao trabalho presencial, para a realização de atividades inadiáveis específicas para a eleição municipal. A maioria dos servidores, atualmente, segue atuando de forma remota, nos termos da Resolução  TRE-SP 504/2020, de 18 de setembro.
 
Redes sociais

Os canais do TRE-SP nas redes sociais também apresentaram bons números durante a pandemia. No período entre março e agosto, as postagens no Facebook alcançaram a média de 920,5 mil pessoas por mês, com um total de 175.465 curtidas e 15.359 comentários. Recentemente, a página ultrapassou a marca de 100 mil seguidores.

Nas demais plataformas, destaque para o YouTube, em que os vídeos da Justiça Eleitoral paulista acumularam 67.152 visualizações no mesmo período. O canal ganhou 1.650 seguidores nesse semestre, número inferior ao do Instagram (4.950) e superior ao do Twitter (460).





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |  20/10/2020 - 16h





POLÍTICA  |  15/10/2020 - 16h


POLÍTICA  |  12/10/2020 - 09h







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb