SAÚDE

As propostas dos candidatos para a saúde.




Divulgação.

Entra governo e sai governo, e a saúde continua sendo uma das áreas mais citadas pelos moradores quanto à necessidade de melhorias, e isso se acentuou ainda mais neste ano em decorrência da pandemia do novo coronavírus. Enquanto muitos municípios vizinhos já possuíam pelo menos uma estrutura básica, posteriormente ampliada, Santana de Parnaíba foi uma das últimas cidades da Grande São Paulo a implantar Unidades de Terapia Intensiva para tratamento dos pacientes com a Covid-19, instrumento antes não disponível na rede pública. A cidade que tem avançado em outros setores, ainda amarga a ausência de estrutura de ponto atendimento, hoje restritos ao PAM Santa Ana e à UPA da Fazendinha, obrigando moradores dos bairros mais distantes a se deslocarem às esses unidades, muitas vezes lotadas e com atendimentos demorados. O Anhanguera a partir dos planos de governo dos candidatos a prefeito realizou um resumo dos principais pontos de suas propostas para a saúde.
 
Daniel Jr. (PSOL)

No plano de governo do candidato do PSOL destaca o fortalecimento da medicina preventiva e revitalização das Unidades Básicas de Saúde e dos conselhos, aumento de recursos em ações de atendimentos domiciliares, construção do novo hospital Santa Ana, e também nas periferias, o serviço de abortamento legal nas unidades públicas, atendimento humanizado para mulheres transexuais e travestis, aumento imediato de salários e concessão de reajustes salarias aos servidores e distribuição de fraldas mensalmente para famílias de baixa renda

Danilo Ferraresi (PTB)

O candidato do PTB, que também é médico, elencou 3 pontos em sua proposta de governo: Investimento na atenção básica preventiva, com o fortalecimento e extensão do Programa de Saúde da Família,  investimento e prioridade na saúde materno-infantil, Aprimoramento da capacidade de atendimento do Complexo Hospitalar Municipal Santa Ana 


Juliana Gonçalves (PRTB)

Em 3 páginas, a candidata do PRTB, que também é medica, expos o que considera ser necessário para Santana de Parnaíba, que vai da ampliação das Unidades Básicas de Saúde de Pronto Atendimento, bem como a expansão do horário de atendimento, ampliação de assistência farmacêutica e distribuição em domicílios para idosos e pacientes portadores de doenças graves, programa de saúde itinerante feito através de unidades móveis de saúde, implantação de um hospital público em parceria com governos e iniciativa privada, ampliação de atendimento de fisioterapia nas UBS, aprimorar agendamento de consultas e exames pela internet, ampliação de atendimento de especialidades, criação de rede municipal de amamentação e banco de leite, ampliar o programa saúde da família principalmente aos bairros mais afastados, fortalecer programas de combate à dengue e do controle de zoonoses, criação de centro cirúrgicos para pequenas cirurgias, implantação da telemedicina, adesão ao programa de saúde bocal, reestruturar a maternidade municipal para atender também gestantes de alto risco.
 
Marcos Tonho (PSDB)

No plano de governo do candidato da situação é listado a implantação de novas unidades de saúde, criação de um novo hospital com mais de 200 leitos, implantação de novas unidades de especialidade, ampliação de farmácias públicas, criar núcleo de acompanhamento para pessoas com deficiência e ampliação do programa de bem estar animal.

Silvinho Peccioli (PSD)

Em 2 páginas, as propostas do candidato do PSD compreende: a realização de campanhas nas escolas, implantação de núcleos de apoio à saúde da família, ampliação da distribuição de remédios em domicílios para pacientes de doenças crônicas, aprimorar o sistema de agendamento pela internet, melhorar o transporte de pacientes que realizam tratamento fora do município, ampliar o atendimento de fisioterapia nas UBS, implantar atendimento móvel de oftalmologista, ampliação de atendimento odontológico, reformar e equipar as unidades de saúde por demanda, ampliar atendimentos de telemedicina, melhorias na infraestrutura das UBS com foco na acessibilidade, implantar centros de reabilitação física, auditiva, visual, ampliar ações de prevenção e combate  as endemias, construção de um hospital universitário mediante a convênio, construção de pronto atendimento nos bairros Colinas da Anhanguera e Alphaville, readequação das USAs do Parque Santana e Cidade São Pedro para pronto atendimentos em regime de 24 horas e implantação de um hospital veterinário.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM





google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb