SEGURANÇA

Parnaíba é 86° menos violenta e a 11° maior em estupros do estado, aponta IEVC.




Entrega das novas viaturas da GMC. Foto:(SECOM/SP)

No primeiro semestre deste ano, Santana de Parnaíba apresentou o menor Índice de Exposição à Criminalidade Violenta (IEVC) da região.


O Índice, divulgado nesta segunda-feira (17) e elaborado pelo Instituto Sou da Paz a partir dos registros de roubos, estupros e homicídios em municípios com mais de 50 mil habitantes. De acordo com o IEVC, Santana de Parnaíba é a que possui o 86° menor entre 139 cidades analisadas do estado, com IEVC 3,9. Matão, localizada na região central do estado apresenta o melhor índice, com 08, seguida por São José do Rio Pardo (1,1), Nova Odessa (1,2) e Tupã 1,2. 

O IEVC é um indicador sintético que busca proporcionar uma análise mais ampla das tendências criminais dos maiores municípios do estado de São Paulo. O índice varia de 0 (melhor resultado possível) a 100 (pior resultado possível), e é composto pela média ponderada de 3 subíndices ficados em dimensões diferentes da Segurança Pública, e cada uma dessas dimensões tem um peso específico para a elaboração do índice geral. 

 
O IEVC letal (homicídios e latrocínios) peso de 40%, IEVC patrimônio (roubos de veículos, de cargas e outros) peso de 30%, e IEVC dignidade sexual (estupros) também peso de 30%. Nos dois primeiros Santana de Parnaíba aparece no 24° colocação e na  37° colocação geral, as menores taxas regionais, contudo, na taxa de estupro chegou a 21,51, a 11° maior entre todas as 139 cidades do estado.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



SEGURANÇA  |  22/09/2020 - 18h





SEGURANÇA  |  18/08/2020 - 11h


SEGURANÇA  |  21/07/2020 - 15h







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb