SEGURANÇA

Presos homens que utilizavam padarias como fachadas para lavar dinheiro.




Foto: (Polícia Civil/Visão Oeste)

Um ação coordenada pelo Deic ( Departamento Estadual de Investigações Criminais) de São Paulo prendeu na manhã desta terça-feira (21), três homens suspeitos de integrarem uma quadrilha de “lavagem dinheiro” e tráfico de drogas. O grupo utilizava padarias para justificar os ganhos. A operação “Molete” (que significa “pão pequeno e mole”) atuou nas cidades de Osasco, Barueri e Santana de Parnaíba. Foram apreendidos sete veículos,uma moto aquática, R$ 100 mil em espécie, uma pistola, jóias, relógios e informações de contabilidade.
  
A operação Molete foi dividida em fases. Nesta primeira, foi identificado um grupo de agentes criminosos, apontados como líderes do esquema. O delegado Fabiano Barbeiro afirmou também que as ordens judiciais de busca e apreensão foram cumpridas em residências e nos estabelecimentos utilizados como fachada para as atividades ilegais. As ordens judiciais foram obtidas graças a uma investigação que se iniciou há 1 ano. Os valores eram adquiridos através de diversas atividades criminosas, como extorsão e estelionato.

Os acusados estão presos e as investigações prosseguem para identificar e deter outros envolvidos no esquema.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM





google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb